Retrospectiva – lançamentos de agosto da nossa Editora

Num cenário cada vez mais complicado para o livro, o conhecimento e o pensamento crítico brasileiro, nossa Editora segue remando contracorrente. Lançamentos diversos chegaram ao nosso catálogo no mês de agosto. Confira abaixo!


Código oculto: política criminal, processo de racialização e obstáculos à cidadania da população negra no Brasil”da advogada Tamires Gomes Sampaio. A autora propõe uma reflexão acurada sobre os impactos do sistema de justiça na vida do povo negro brasileiro. Nas palavras do Prof. Silvio Almeida, “há, portanto, um ´sistema´ que se organiza de modo ´oculto´ para informar e normatizar a ação dos sujeitos que compõem o sistema de justiça. E esse sistema é o racismo, conclusão a que chega Tamires Gomes Sampaio ao olhar o entrelaçamento das raízes do racismo brasileiro e do sistema de justiça criminal”. A autora faz uma leitura do processo histórico de formação do racismo estrutural, colocando-se como parte de uma tradição de mulheres negras que vêm tecendo as mais interessantes e agudas reflexões sobre racismo e o sistema de justiça.  Portanto, uma obra essencial à incessante luta contra o racismo. Compre o seu aqui!


Reflexões sobre o agravamento do risco nos seguros de danos”, do festejado autor Ernesto Tzirulnik. Ao mesmo tempo em que se tornou um problema corriqueiro nos conflitos de interesse securitários, o agravamento do risco se coloca como um dos temas mais delicados para se enfrentar no dia a dia das regulações de sinistros, na doutrina jurídica e na atividade julgadora, pública ou privada. É exatamente disto que se ocupa o autor desta notável obra, reconhecidamente o maior especialista em seguros do país. Em suas palavras, “não me interessam as apólices, nem os amontoados autoritários de leis, decisões judiciais e doutrinas que costumam caracterizar certos livros jurídicos de grande aceitação, ou obras escritas e palestras em que a advocacia se traveste com figurino acadêmico, deixando malformados os crendeiros. A operação jurídica requer sensibilidade e conhecimento dos princípios e das regras básicas da regência social”. Compre o seu aqui!


“Uma pequena história da tributação e do federalismo fiscal no Brasil: a necessidade de uma reforma tributária justa e solidária”, do festejado autor Fabrício Augusto de Oliveira, um dos maiores expoentes do pensamento econômico brasileiro. Neste novo livro propõe mudanças capazes de reduzir a complexidade e, sobretudo, minimizar a iniquidade e os entraves ao crescimento atualmente colocados pelo sistema tributário vigente. Numa perspectiva histórica, o autor considera o papel do Estado, o padrão de acumulação dominante, a correlação de forças sociais e políticas atuantes no sistema, bem como a influência do pensamento econômico na orientação das reformas, enquanto aspectos centrais na construção de sua análise da evolução do quadro tributário e do federalismo. Compre o seu aqui!


Democracia em crise no Brasil: valores constitucionais, antagonismo político e dinâmica institucional, do autor Cláudio Pereira de Souza Neto. Na obra são analisados os acontecimentos políticos que levaram à crise da democracia no Brasil. A análise abarca o período que se inicia com a explosão social de junho de 2013 e se estende até a reação do governo Bolsonaro à pandemia do coronavírus. São trazidos à luz elementos do neoliberalismo autoritário que se instaurou no Brasil desde o impeachment de 2016 e se aprofunda sob o governo atual. A extensão do período não dilui a densidade da análise pela circunstância de o texto se concentrar no exame das dimensões jurídico-constitucionais da crise. Em todo o texto é permanente o compromisso com o imperativo ético segundo o qual, diante da ameaça da autocracia, não basta conhecer os processos políticos e as dinâmicas institucionais; é necessário cooperar para que se conduzam no sentido da preservação da liberdade, da dignidade humana e da democracia. Compre o seu aqui!


A Editora Contracorrente inaugura a coleção Diálogos com o título Althusser e o materialismo aleatório, no qual se estabelece um riquíssimo debate entre os filósofos Alysson Leandro Mascaro e Vittorio Morfino. Um dos campos mais decisivos para o desvendamento da obra althusseriana e, contraditoriamente, um dos menos trabalhados, é o do direito. É justamente dele que se ocupa o filósofo Alysson Leandro Mascaro, em aguda e original reflexão. Já o filósofo italiano Vittorio Morfino, a partir da retomada de uma série de textos que dedicou aos escritos de Althusser da década de 1980, discute, com rigor e profundidade, a existência de um ou dois materialismos aleatórios. Compre o seu aqui!


Aguarde mais novidades para os próximos meses!